Um homem de 28 anos foi preso na madrugada desta quarta-feira (31), em Mogi das Cruzes, São Paulo, pela Polícia Civil. Ele confessou ter matado a estudante Rayane Paulino Alves, de 16 anos. Além de se enquadrar no crime de homicídio qualificado, ele também vai responder por estupro.

O corpo da jovem foi encontrado no último domingo (28), em Guararema, no interior paulista, com um cadarço enrolado no pescoço e já em estado de decomposição. Familiares reconheceram o corpo da adolecente ontem.

Rayane estava desaparecida desde o dia 21 de outubro, depois de sair de uma festa em Mogi das Cruzes.